Página Principal
English Version
Quem somosEspécies ameaçadas | Causas de extinçãoNossos animaisProjetosCriadouroCanal nex | LendasAjude | Parceiros | Contato
 
GATO-PALHEIRO

Nome científico: Oncifelis colocolo (Molina, 1810)

Nome comum: Gato-palheiro, gato-dos-pampas (português), Pampas cat (inglês);

História Natural: noturno (majoritariamente) e crepuscular, terrestre, solitário;

Ambiente: pampas, cerrado, pantanal, pântanos e banhados (áreas abertas). Em outros países chega a ocorrer até em floresta tropical úmida.

Dieta: Carnívora (alimentam-se principalmente pequenos vertebrados: roedores e aves terrestres).

Distribuição geográfica: ocorre dos Andes do Equador e Peru até o extremo sul do continente. No Brasil acredita-se ocorrer no Rio grande do sul, parte de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, pelo Brasil-central até o sudeste do Piauí, oeste da Bahia e Minas Gerais.

Reprodução: o período de gestação é de 80 a 85 dias, com número médio de dois filhotes (1-3).

Características: É uma espécie de porte médio com comprimento variando de 49 a 77cm (média 63cm), a cauda é longa de 28 a 59cm (média 42cm) e peso em torno de 5,2kg (3-7kg). O corpo é alongado, com cabeça pequena, alongada e achatada, orelhas pequenas e bem arredondadas. As pernas são relativamente curtas em relação ao corpo. A coloração é uniforme, podendo apresentar uma aparência tordilha, variando desde o vermelho-alaranjado ao cinza. Os membros possuem bandas negras e o ventre e partes laterais são marcados por listras negras irregulares. É característico da espécie uma faixa de pêlos mais longos estendendo-se da cabeça à cauda, que é eriçada quando o animal se encontra sob ameaça. È a espécie brasileira que mais se assemelha ao gato-doméstico.

Status: Presente na Lista Oficial dos Mamíferos Brasileiros Ameaçados de Extinção do IBAMA, CITIES apêndice II e Indeterminada pela UICN;

Principais Ameaças:
A perda de seu habitat para a agricultura e pecuária.

Desenvolvido por: Web Sites Factory