Página Principal
English Version
Quem somosEspécies ameaçadas | Causas de extinçãoNossos animaisProjetosCriadouroCanal nex | LendasAjude | Parceiros | Contato
 
ONÇA-PINTADA

Nome científico: Panthera onca (Linnaeus, 1758)

Nome comum: Onça-pintada, onça-preta (português), Jaguar (inglês);

História Natural:
Crepusculares e noturno, terrestre, solitário;

Ambiente: cerrado, caatinga, pantanal, mas principalmente florestas tropicais e subtropicais (inclusive matas de galeria).

Dieta: Carnívora (principalmente mamíferos de grande porte como anta, veados, capivaras e porcos-do-mato, mais podem comer também répteis: tartarugas, jabutis, jacarés).

Distribuição geográfica: atualmente é encontrada das planícies costeiras do México até o norte da Argentina (exceto Andes). No Brasil originalmente ocorria em todo o seu território, atualmente esta restrita a região norte, até o leste do maranhão, partes do Brasil Central, Pantanal, e em algumas áreas isoladas das regiões sul e sudeste.

Reprodução: o período de gestação é de 90 a 111 dias, com número médio de dois filhotes
(1-4).

Características: É o maior felino do continente americano. O corpo é robusto, compacto e musculoso, com comprimento médio de 132cm (110-175), cauda é relativamente curta de 40 a 68cm e o peso fica em torno de 61kg (35-130kg). A coloração varia entre um amarelo bem claro e um castanho-ocráceo. O corpo é completamente revestido por pintas negras, que formam rosetas dos mais diversos tamanhos e com um ou mais pontos negros no seu interior. Também ocorre com freqüência na forma melânica (preta). A onça preta e a onça pintada pertencem à mesma espécie, isto é, numa ninhada podem nascer tanto filhotes pretos quanto pintados. Numa onça preta pode-se observar o mesmo padrão de manchas presente em uma onça pintada.

Status: Presente na Lista Oficial dos Mamíferos Brasileiros Ameaçados de Extinção do IBAMA, CITIES apêndice I e Vulnerável pela UICN;

Principais Ameaças:
A alteração do habitat, com a conseqüente redução da disponibilidade de presas e a caça, por ser considerada uma importante predadora de animais domésticos, são as principais ameaças a sua sobrevivência.

Desenvolvido por: Web Sites Factory